quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Vitória Régia




Vitória Régia


Ser rainha neste palco;

céu, árvore ao redor:
en-canto de pássaro.


Eliana Mora, 28/2/2010

[Baú]

2 comentários:

  1. Teus versos me trazem a doce fragrância noturna que se exala de Naia, a estrêla das águas, a Lua das fontes.

    Um poema-desidério. Uma tela a óleo. O último verso, então, é precioso achado. Transcendente, Eliana.

    Beijo e abraço com carinho.
    André

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo isso são adornos para o som de tuas palavras, André.
      E elas me deixam muito feliz.

      beijos e abraços, delicados e queridos

      Eliana

      Excluir

a poesia agradece

Avesso