segunda-feira, 23 de julho de 2012

Olha-me assim

 
 
Olha-me assim
 
 
meio de lado: sabe-se lá,
a sombra que ali se planta
- teu corpo pode ocupar.
 
 
 
Eliana Mora, 20/7/2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário

a poesia agradece

Segunda chance