quarta-feira, 18 de maio de 2011

M ã o s


Mãos


em árvores.

doçura da flor
[ou poder das tempestades.



Eliana Mora, 13/5/2011

6 comentários:

  1. caríssima,
    que bom te receber lá em casa. estou sumido mesmo, não consigo acompanhar todos os meus amigos na blogosfera ou se acompanho, nem sempre deixo rastros...

    seus mínimos continuam um primor!
    fica um presente escrito pela mestra Alice Ruiz:

    o vento passou
    restou apenas
    o aceno das árvores



    um beijo!

    ResponderExcluir
  2. NA MACIEZ: outras levezas / pétalas de mel / sabor da calmaria

    ResponderExcluir
  3. - a três versos, em prosa

    escrevo teu nome: Eliana
    Mora(s) dentro do meu coração.
    - Fica Eliana! em prosa.
    - Em poesia demora,
    Eliana.

    Beijo e abraço, Tero

    ResponderExcluir
  4. Talal:

    o vento te trouxe
    restaram muitas palavras
    ao redor das árvores...

    um beijo.

    ResponderExcluir
  5. NA MACIEZ: outras levezas / pétalas de mel / sabor da calmaria

    mãos e pensamentos leves
    e tuas 'pétalas de mel'
    chamam beija-flores

    beijo, Ideo

    ResponderExcluir
  6. escrevo teu nome: Eliana
    Mora(s) dentro do meu coração.[...]

    nele estás sempre
    escondido
    [a me tomar a mão...

    bom vê-lo aqui, Tero

    ResponderExcluir

a poesia agradece

Sobrevoar