segunda-feira, 28 de março de 2011

Deserto de um Amor


Deserto de um amor



árido, desfeito.
a
deus, em forma de miragem,
desnuda-se_ao vento.



Eliana Mora, 25/12/2010

2 comentários:

a poesia agradece

Segunda chance