quinta-feira, 18 de agosto de 2016

E quando está tudo estranho...



E quando está tudo estranho...


aparece uma flor
nascida do improvável
[no asfalto da tua estrada]




Eliana Mora, 28/set/2012

2 comentários:

  1. Encontrei seu blog e é uma honra estar a ver e ler o que escreveu, quero felicitar-vos, pois é um bom blog, sei que irá sempre fazer o melhor, dando-nos boas noticias, e bons temas.
    Quero aproveitar a oportunidade para partilhar o meu blog : Peregrino E Servo.
    Vou ficar muito feliz se tiver a gentileza de fazer uma visita ao meu blog.
    PS. Se seguir, fique a saber que irei seguir também seu blog, deixe o link.
    António Batalha.
    Peregrino E Servo.

    ResponderExcluir
  2. Quando adoeço, leio poesia e me sinto melhor.
    Seu fazer poético é forte. Saúde paz, Ggraúna

    ResponderExcluir

a poesia agradece

Sobrevoar