quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Tu, poeta




Tu, poeta 


fala inquieta, sentida.
Código meio solar.
Pelo tom_fragmento de asteroide.



Eliana Mora, agosto/2009

Nenhum comentário:

Postar um comentário

a poesia agradece

A vez dela