domingo, 25 de janeiro de 2015

A Mar-te Não!



A Mar-te não!


Voo aqui mesmo
[contigo]
no mesmo chão.


Eliana Mora, 25/01/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário

a poesia agradece

Sobrevoar