sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Céu Estranho



Céu estranho 
 


brilho de marfim
cores meio sonho, meio fim 

[minhas retinas sentem tua boca]



©Eliana Mora, fev/2003

[Baú]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

a poesia agradece

Segunda chance